Posts em dezembro de 2015
31 de dezembro de 2015
Podemos dizer para nós mesmos Mont Blanc ao amanhecer; Taj Mahal ao luar; e a mente continua uma folha em branco. Pois um cenário só sobrevive na estranha...
30 de dezembro de 2015
O ano de 2015 não foi tão ruim para jogos. Vimos o indie Undertale arrasar quarteirões, Fallout 4 roubar alguns milênios de nossas vidas e The Witcher 3...
30 de dezembro de 2015
Comer lentilha, pular sete ondinhas na praia depois da meia-noite, vestir branco pela paz ou vermelho para atrair uma paixão. São infinitos os rituais que...
29 de dezembro de 2015
2015 foi tão... intenso que até parece que durou 24 meses! Difícil foi elencar os "TOP 5" eventos do ano, já que muita coisa (ruim e boa) aconteceu, né?...
29 de dezembro de 2015
...
28 de dezembro de 2015
– contém spoilers – Neste natal, a série britânica Downton Abbey (2010-2015) chegou ao seu fim na Inglaterra (por aqui, estamos começando a última...
28 de dezembro de 2015
No Brasil, o verão teve início no dia 22 de dezembro de 2015. Essa estação é caracterizada por mudanças rápidas nas condições do tempo, levando à...
27 de dezembro de 2015
A gente sempre vê matérias falando sobre pílula anticoncepcional a partir das substâncias químicas, dos efeitos colaterais, de qual pílula é melhor pra...
27 de dezembro de 2015
Tem gente que acredita que usar branco na virada do ano novo é garantia de ano bom. E também tem aqueles que juram de pé junto que a chave para o sucesso do...
27 de dezembro de 2015
fonte da foto de Preta Rara: Do lado de cá 2015 acaba esta semana e convocamos as colaboradoras da Capitolina para eleger as melhores músicas do ano....
27 de dezembro de 2015
As religiões politeístas são chamadas assim pois consideram que existe mais de uma divindade. Muitas religiões mais antigas (que podem também ser chamadas...
26 de dezembro de 2015
Para fechar o ano, nossas colaboradoras escreveram sobre suas leituras preferidas em 2015! E você? Qual foi o livro mais delícia do ano? Conta pra...
Sobre

A Capitolina é uma revista online independente para garotas adolescentes. Nossa intenção é representar todas as jovens, especialmente as que se sentem excluídas pelos moldes tradicionais da adolescência, mostrando que elas têm espaço para crescerem da forma que são.

Arquivos