27 de agosto de 2014 | Tech & Games | Texto: | Ilustração:
Cinco aplicativos para… relaxar!
Ilustração: Isadora Maldonado

Ilustração: Isadora Maldonado

Ontem saiu um texto incrível na Capitolina sobre como lidar com a ansiedade. Hoje, a sessão de Tech & Games juntou cinco aplicativos para relaxar com apoio da tecnologia! Nenhum desses apps substitui a intervenção de um médico competente, caso seja necessário, mas ajuda nunca é demais, né?

5. Headspace (sistemas diversos)

Muitas pessoas associam a meditação a uma cultura oriental tradicional e ancestral. Alguns podem achar que ela é somente praticada por religiosos, mas poucos sabem dos reais benefícios da meditação para o bem-estar físico e mental. O aplicativo Headspace tem tentado romper a distância entre essa prática e a cultura popular. Utilizando ensinamentos que tornam-se gradualmente mais complexos, ele organiza uma série de atividades para se fazer durante o dia, proporcionando paz mental. As atividades geralmente se resumem a exercícios de respiração, percepção do corpo e do ambiente e de relaxamento muscular. No caos em que vivemos, estamos acostumados a focar demais nos nossos corpos ou nas nossas mentes. O aplicativo te ajuda a reconstruir o elo entre os dois e entrar em harmonia com você mesmo. É disponível tanto para computadores, como para celulares! Agora não temos mais desculpas para não meditar!

headspace

Imagem: divulgação

 4.Blendoku (Android e iOS)

Sabe aquele momento em que o estresse subiu até a alma, você não consegue pensar em mais nada e ninguém consegue te relaxar? Jogos simples nesses momentos podem ajudar bastante a reconstituir a calma. Games que deixam a mente ocupada são extremamente úteis para momentos de crise. Blendoku é um jogo perfeito para essas situações. O objetivo é simples: organizar cores em degradê. Ao jogar, você entra num mundo paralelo, seu cérebro trabalha calmo e em paz. Deite em um lugar confortável e se deixe levar por esses quadradinhos coloridos.

Imagem: divulgação

Imagem: divulgação

3. Breathe2Relax (Android e iOS)

Você sabia que, ao ter um ataque de pânico ou de ansiedade, existe uma maneira correta de respirar para amenizar o desconforto? Este app ensina você a guiar a respiração e ajudar seu cérebro a entrar numa zona de conforto. Respirar pode parecer uma atividade natural, quase inconsciente, mas, às vezes, nós a fazemos de maneira errada. Entender como o nosso corpo funciona, utilizando o diafragma de maneira correta, pode trazer um estado de calmaria para corpo e alma. Realizar alguns exercícios diários propostos por esse aplicativo pode mudar muito a maneira como nosso corpo reage ao mundo e às emoções.

breath2relax

Imagem: divulgação

2. Rain Sounds (Android)

Barulho de chuva é a canção de ninar universal. Aquelas gotinhas caindo no telhado num ritmo compassado deixam qualquer um sonolento. A chuva afoga o som desconfortante da cidade, seja do trânsito, seja de máquinas funcionando, seja de pessoas falando ou televisões ligadas, e cria uma harmonia gostosa e suave! O app Rain Sounds traz barulhinhos de chuva para ouvir sempre que quiser! O pacote é bem simples, mas inclui variações como tempestades elétricas, chuva batendo em uma árvore ou na janela do carro. Outros aplicativos parecidos são o Rain, Rain Sleep Sounds (iOS), Sleep Bug (iOSWindows Phone) e Relax Melodies: Sleep & Yoga (Android). 

rain app

Imagem: divulgação

1. SAM app (Android e iOS)

SAM é a sigla para Self-Help for Anxiety Management que significa em português algo como “ajude a si mesmo no monitoramento de ansiedade”. Basicamente o que o aplicativo faz é te ajudar a colocar em palavras o que você está sentido. Ao perguntar: “Como está a sua ansiedade hoje?”, ele te ajuda a classificar as suas emoções, julgar a intensidade de como se sente e propor atividades que melhorem as crises.

O aplicativo te ajuda a entender como lidar com seus problemas, incentivando você a perceber que é capaz de enfrentar medos e aflições. Ele foi desenvolvido por doutores da University of Wales buscando propor uma terapia consciente dos nossos problemas internos. Além disso, o SAM traz um espaço virtual anônimo de discussão para aqueles que sentem que um apoio humano extra também não faria mal… Muitas pessoas já testaram e falaram que funciona. Dar uma olhada não faz mal a ninguém, certo?

sam_app

Imagem: divulgação

Dora Leroy
  • Coordenadora de Quadrinhos
  • Ilustradora

Dora Leroy tem 21 anos e acredita que o universo é grande demais para não existir outras formas de vida inteligente por aí. E, enquanto espera uma invasão alienígena acontecer, gosta de ler livros que se passam em universos mágicos e zerar séries do Netflix.

Sobre

A Capitolina é uma revista online independente para garotas adolescentes. Nossa intenção é representar todas as jovens, especialmente as que se sentem excluídas pelos moldes tradicionais da adolescência, mostrando que elas têm espaço para crescerem da forma que são.

Arquivos