Colunas
22 de fevereiro de 2017
O Oscar 2017 não está mais tão branco assim. Pelo menos nas indicações.  Depois da campanha “Oscar so White” (Oscar tão branco) expor a ausência de...
21 de fevereiro de 2017
...
16 de fevereiro de 2017
Jane Austen, uma das maiores referências da literatura inglesa, faleceu em 1817 e esse ano comemoramos o bicentenário da sua morte. Nascida no interior da...
15 de fevereiro de 2017
Tudo começou há um tempo atrás na ilha do sol... Às vezes é impossível tirar algumas músicas da cabeça, né? Fica ainda mais difícil quando a música...
15 de fevereiro de 2017
Tem uma porção de conhecimentos e fazeres que associamos a idades específicas e que, se não estamos em determinada fase, simplesmente não são...
14 de fevereiro de 2017
No final da semana passada eu estava conversando com uma amiga, e tivemos esse diálogo: Eu: Todo ano eu assisto à premiação do Grammy, sempre leio todas...
13 de fevereiro de 2017
“Açúcar, tempero e tudo que há de bom!” Essa foi a fórmula mágica que uniu Tech e Games a Ciência, que eram também conhecidas como as editorias mais...
12 de fevereiro de 2017
Olá! Sejam bem-vindas à editoria de Educação da Revista Capitolina! O nosso primeiro post do ano vai ser de apresentação, mas nossa área não é...
10 de fevereiro de 2017
Você já se perguntou como são definidas as práticas permitidas e oferecidas dentro de um atendimento médico básico? Como se dá a separação entre o que...
8 de fevereiro de 2017
A Seat At The Table é o terceiro álbum de estúdio de Solange Knowles, com esse trabalho a cantora recebeu sua primeira indicação ao Grammy de Melhor...
7 de fevereiro de 2017
É com muito entusiasmo que declaramos oficialmente inaugurada a coluna de Poéticas! Aqui será o espaço que reivindica novas expressões, que acolhe...
5 de fevereiro de 2017
  "Viver em sociedade é um desafio porque às vezes ficamos presos a determinadas normas que nos obrigam a seguir regras limitadoras do nosso ser ou...
Sobre

A Capitolina é uma revista online independente para garotas adolescentes. Nossa intenção é representar todas as jovens, especialmente as que se sentem excluídas pelos moldes tradicionais da adolescência, mostrando que elas têm espaço para crescerem da forma que são.