11 de outubro de 2015 | Colunas, Estilo, Se Liga | Texto: | Ilustração:
Tutorial: experimentos com batom

Tá, eu posso ter mentido pra vocês: meus experimentos não serão só com batom. Por que quem disse que pra pintar a boca só serve batom? Hoje eu quero mostrar pra vocês que se virando com o que tem em casa dá pra fazer muita maquiagem lóki — às vezes até mais lóki do que seria se você usasse só coisas convencionais, porque as opções pra brincar quintuplicam.

Vou ensiná-las a fazer o que nas interwebs chamam de “ombré lips”, mas que eu apelidei carinhosa e bregamente de “boca pôr-do-sol”.

Lembrem-se que pintar a boca requer lábios hidratados e lisos, pra facilitar a aplicação e, neste caso, pro resultado do degradê ficar mil grau. Então antes de mais nada, faça uma esfoliação com um pouquinho de mel e açúcar (nem confeiteiro, que é muito fino, nem cristal, que tem grãos gigantes!). Se não tiver aí na sua casa, pode usar outro truque: depois de escovar os dentes, aproveita a boca molhada e a toalha pra caprichar na esfregância e se livrar das pelinhas. Devidamente esfoliados, hidrate os lábios com o que você gostar mais: balm, manteiga de cacau, vaselina etc. Deixe uns minutinhos, retire o excesso e bora começar:

Rosa feat. dourado

Pra essa boca (minha favorita!) eu usei um batom rosa matte (com acabamento sem brilho e seco) e um lápis de olho (sim, de olho!) dourado.
Foto criada em 11-10-15 às 14.42

1) Contornei os lábios com batom e entrei um pouco mais nos cantos. Fiz sem pincel, mas facilita bastante a vida se você tiver um.
Foto criada em 11-10-15 às 13.28 #2

2) Esfumei bem de leve com os dedos (é de leve, hein!).
Foto criada em 11-10-15 às 13.28 #3

3) Apliquei o lápis dourado no centro, onde não tinha batom ou onde o rosa estava bem fraco. Não senti necessidade, mas, se quiser, esfume suavemente os limites com o dedo ou pressione levemente os lábios um contra o outro.
Foto criada em 11-10-15 às 13.32

Preto feat. lilás perolado

Aqui eu inverti: a cor que vai nas bordas é um lápis de olho e a que vai no meio é batom cremoso.
Foto criada em 11-10-15 às 14.41

1) Mesma coisa, gatas: primeiro o contorno. Dessa vez você vai sentir que a textura é mais seca e difícil de aplicar, mas rola!
Foto criada em 11-10-15 às 15.58

2) Batom perolado no centro.
Foto criada em 11-10-15 às 16.00

3) Reforço no preto de fora pra ficar bem tchans.
Foto criada em 11-10-15 às 16.01

Acho que eu não gostei, e agora?

Como todo experimento, é claro que sempre tem chance de dar errado. No meu caso, eu não sei se gostei muito do preto com perolado pra fazer boca pôr-do-sol. Mas eu vi potencial na mistura e não quis desistir. Eis o que eu fiz:

1) Passei o lápis de olho preto na boca inteirinha (sim, eu estou usando tic-tacs da Branca de Neve, antes que me perguntem, ainda que não tenham me perguntado).
Foto criada em 11-10-15 às 13.18

2) Por cima do preto, passei o lilás perolado e, sem modéstia, fiquei linda.
Foto criada em 11-10-15 às 14.27

Mas e pra tirar essa meleca toda?

Calma, gurias. Tenho a solução pros seus problemas: hidratante. Muito hidratante.

1) Lambuze a boca.
Foto criada em 11-10-15 às 13.25

2) Esfregue com algodão, papel, lencinho, o que tiver.
Foto criada em 11-10-15 às 13.25 #2

3) Ó como funciona!
Foto criada em 11-10-15 às 13.25 #3

Achei esse tutorial muito perua, eu jamais sairia assim na rua. Sou um caso perdido?

Que é isso, ninguém é caso perdido. Eu mesma custei pra começar a usar batom, então vai aos poucos. Minha dica: compra um batom bem cheguei. Começa aplicando com batidinhas e espalhando com os dedos. Vai ficar suave assim (o batom que eu tô usando na foto é, na verdade, rosa-choque):

Foto criada em 11-10-15 às 14.31

Aí você vai construindo as camadas até chegar num tom que você se sinta confortável em usar. E, dia a dia, semana a semana, mês a mês, você vai se acostumando e aumentando a dose conforme suas vaibes.

Por hoje é isso, amiguinhas! Vocês também usam algum produto incomum como batom? Ou batom como sombra? Ketchup como blush? Conta pra gente, tô louca pra testar mais coisas! Ah, aproveita e fala que outro tutorial você quer ver aqui em Estilo 💁

Tags: , ,
Julia Oliveira
  • Coordenadora de Estilo
  • Ilustradora

Julia Oliveira, atende por Juia, tem 22 anos e se mete em muitas coisas, mas não faz nada direito — o que tudo bem, porque ela só faz por prazer mesmo. Foi uma criança muito bem-sucedida e espera o mesmo para sua vida adulta: lançou o hit “Quem sabe” e o conto “A ursa bailarina”, grande sucesso entre familiares. Seu lema é “quanto pior, melhor”, frase que até consideraria tatuar se não tivesse dermatite atópica. Brincadeira, ela nunca faria essa tatuagem. Instagram: @ursabailarina

Sobre

A Capitolina é uma revista online independente para garotas adolescentes. Nossa intenção é representar todas as jovens, especialmente as que se sentem excluídas pelos moldes tradicionais da adolescência, mostrando que elas têm espaço para crescerem da forma que são.

Arquivos