10 de dezembro de 2015 | Estudo, Vestibular e Profissão | Texto: | Ilustração: Laura Viana
#OcupaEstudantes: No início, tudo é difícil
IMG_8348

Hoje, colunistas de diversos meios, bem como vários sites e blogs, estão abrindo seus espaços para que estudantes de São Paulo possam falar, usando suas próprias vozes, sobre a experiência que estão vivendo de se juntar e lutar contra o projeto de reorganização de escolas de rede pública de ensino do Estado de São Paulo. Todos os textos serão reunidos pela hashtag #ocupaestudantes. Temos a honra de abrir espaço na Capitolina para Yasmin Azevedo, aluna da Escola Estadual Godofredo Furtado.

No início, tudo é difícil.

Torna-se rotina a pressão vinda dos funcionários da escola, da polícia, dos alunos que não entendem nossa posição, dos moradores ao redor que focam no que a mídia retrata e nos tratam como vândalos, vagabundos e baderneiros. Mas nós aceitamos passar por isso e muito mais por um ideal que se estendeu pelo estado, pelo país e até por outros lugares do mundo.

A educação vai além do que se aprende na escola. Ocupando, absorvemos coisas que nos mudaram pra sempre como pessoas. Um ajudando o outro, mesmo após a divisão de comissões. Um respeitando o outro. Um fazendo pelo outro e por todos em volta. Apesar de muitos serem contra e fazerem de tudo para pensamos individualmente, a cada dia só aumenta o valor ao movimento e ao espaço que sempre foi nosso e que agora é cuidado apenas por nós.

Yasmin Azevedo, 16 anos
E.E. Godofredo Furtado

capitolina

A Capitolina é uma revista online para garotas adolescentes, que procura ser acessível e inclusiva, abrindo um diálogo com as leitoras. Somos MUITAS garotas, de idades variadas e de lugares variados, divididas em várias áreas e funções.

Sobre

A Capitolina é uma revista online independente para garotas adolescentes. Nossa intenção é representar todas as jovens, especialmente as que se sentem excluídas pelos moldes tradicionais da adolescência, mostrando que elas têm espaço para crescerem da forma que são.